NATUROPATIA E TERAPIAS ORIENTAIS


saude e autoconhecimento

     Terapia  Transpessoal com Nadya Prem                                                       presencial ou à distância           

                          Reconhecendo a importância das dimensões da psique humana, Stanislav Grof, criou a palavra transpessoal, para caracterizar os fenômenos e experiências que transcendem o ego e os limites do tempo e espaço. Jung, também, considerava o aspecto transpessoal em seus trabalhos.

Transpessoal significa além da pessoa comum, do ser material; ultrapassa as barreiras do tempo e do espaço tridimensional e reconhece a espiritualidade que acompanha o ser. Inclui as dimensões energética e espiritual com uma visão  transreligiosa. Sem limites dogmáticos, abraçando o conhecimento integral das religiões e filosofias do ocidente e do oriente.

Os atendimentos são feitos presencialmente ou á distância webcam (facebook ou skype), em dias e horários agendados, com consulta individual.

A cada sessão são abordados os diferentes aspectos do ser multidimensional. Orientação transpessoal e recomendações terapêuticas. O processo terapêutico envolve os dramas psicológicos e emocionais que desarmonizam e prejudicam a vida diária A terapia tem como objetivo a saúde integral.

Práticas meditativas dinâmicas e passivas,vivências, técnicas energéticas/corporais, autoconhecimento, espiritualidade, expansão da consciência. mediunidade.  Metafísica e cura quântica. Psicologia oriental, conceitos budistas, taoistas e hinduístas. Por possuir um contexto integral trabalha também com fundamentos da psicologia ocidental, favorecendo a harmonia do ego.

 A Terapia Transpessoal engloba:

Educação Transpessoal: o conjunto dos métodos que permitem descobrir

ou revelar o transpessoal dentro do ser humano;

Psicoterapia Transpessoal: conjunto de métodos de tratamento dos transtornos multidimensionais pelo despertar do transpessoal;

Terapia Transpessoal :o conjunto de métodos de restabelecimento da saúde multidimensional pela progressiva redução da ilusão da existência de um “eu” separado do mundo  

 

A quem é recomendada a psicoterapia?

A psicoterapia transpessoal é recomendada para você que está buscando orientação, cura e o autoconhecimento. Para o desenvolvimento, equilíbrio e amadurecimento mediúnico e expansão da consciência.

Desequilíbrios físicos e psicológicos: Transtornos do pânico, depressivo, bipolar, TOC entre outros distúrbios. Enfermidades físicas crônicas e autoimunes.

Conflitos nas relações familiares, amorosas, profissionais. 

 Terapia Presencial:

Sessões semanais ou quinzenais , em Itupeva - SP ( próximo de Jundiaí a 70 km da capital, acesso pela Rodovia dos Bandeirantes km 59 de carro ou de ônibus pela http://www.valedotiete.com.br .  

duração: sessão de 1h

 Terapia à Distância:

Por skype ou facebook com webcam

Sessões semanais ou quinzenais com webcam, ou apenas áudio ou chat. duração de cada sessão: 50 minutos 

 

O SER INTEGRAL


 Todos nós buscamos a felicidade através das realizações pessoais. O sucesso, a plenitude, a abundância. Estar bem com o mundo e conosco é a meta que  desejamos alcançar. Mas qual é o segredo, a fórmula para alcançar esse estado de perfeição? Será que isso é possível? Nos momentos difíceis, de dor e conflito, muitos procuram as religiões; outros buscam o auxílio médico e a psiquiatria. Tem aqueles que se  conformam com seus sofrimentos, e muitos adentram o caminho da ilusão. Mas então, o que fazer? O que é certo ou errado?

As pessoas vivem no piloto automático.

É preciso tomar consciência, assumir as rédeas da vida, saber escolher.

A terapia transpessoal possibilita a expansão da consciência trazendo a elaboração de conflitos , quebrando padrões  repetitivos e negativos.

SATSANG OM SHAN

Quantas vezes acontece de você ter uma compreensão clara de que certa conduta seria desejável, porém não consegue implementá-la de forma consistente porque os velhos hábitos se impõem? Quantas vezes você agiu, mesmo sabendo que a sua ação era inconveniente, sob a força hipnótica dos condicionamentos da mente e do corpo?
Como mudar isso? Como fazer para que novos conceitos ocupem o lugar dos antigos?

 O que está faltando em sua vida?

Satsang significa encontro com a verdade. Shan é o caminho, o alto da montanha de onde tudo é avistado, a consciência plena.

Shan é um mestre, conselheiro e mago, que encerra em si mesmo uma grande força, assim como um mantra; a verdade que não é propriedade de ninguém, mas pertence e está acessível a todos.

 

Qualquer um de nós pode praticar o Shan. Seu fundamento é o não julgamento, a desidentificação, a integração, o encontro com o eu superior. Decifrando e compreendendo o segredo para a plenitude. É a potencialidade pura, em que tudo pode acontecer. O criador criando sua realidade. 

 SHAN SIGNIFICA RECONHECER A ESSÊNCIA DIVINA QUE HABITA EM CADA UM DE NÓS.

 Através do Satsang OM SHAN,  vivencia-se a transmutação do ser. A transformação da doença em saúde, da dor em prazer; abrindo os caminhos do amor, do sucesso profissional e da harmonia.

A PRÁTICA SATSANG OM SHAN É INDICADA PARA TODOS OS BUSCADORES, PESSOAS ABERTAS A MUDAR SUAS VIDAS A PARTIR DE SI MESMAS.   

 

PSICOTERAPIA

 

ORIENTAÇÃO METAFÍSICA

   

Na orientação metafísica, através da transcendência e expansão da consciência, o terapeuta orienta e encaminha o buscador a encontrar as respostas e soluções de seus conflitos egóicos. Além disso facilita ao cliente o  autoconhecimento e a transformação interior. 

A metafísica procura abordar todos os conteúdos do ser, além do simples fato de a pessoa estar doente.

Existem diversas causas possíveis dos sintomas que possam estar alterando a saúde física e mental.

Avistar o ser pelos vários ângulos que determinam o seu estado atual, sua postura diante da vida, seu corpo mental, suas emoções, sentimentos e sua espiritualidade.

O terapeuta faz uma diagnose adentrando a esfera sutil, indo além da esfera física.      

Cada disfunção do organismo humano, tem suas causas metafísicas.

Duas pessoas podem reagir de formas diferentes aos mesmos estímulos externos. Quando colocadas em contato com o ambiente cada um percebe e reage ao mundo de acordo com seu próprio padrão energético e sua frequência.

  Xamanismo

O xamã tem o poder de viajar no tempo e no espaço. Ele é capaz de orientar e transmutar o campo metafísico do ser. Ele trabalha alterando e manipulando as energias, com seus mantram, seus instrumentos de poder.

Ele sempre está ao lado do terapeuta xamânico e interfere direta ou indiretamente, de acordo com as necessidades do momento.

O xamã desfaz os fios que ligam o paciente às obsessões, desintegra os cascões astrais e os miasmas.

Tratando o paciente com os elementos da natureza e mantendo contato com os seres elementais.

Uma força advinda de sua integração e respeito ao Todo, a Deus.

A palavra xamã tem origem no verbo conhecer/ compreender. Segundo o xamã Leo Artese:

“O  xamã pode ser homem ou mulher, é o poeta, o mágico, o curandeiro, o líder espiritual, o conselheiro, o contador de histórias, etc. Sua principal especialidade está ligada aos processos de cura. Quando digo cura, não me refiro apenas ao corpo físico, mas também ao mental, emocional e espiritual.”

 

O Sofrimento É Ilusão da Mente

 O sofrimento é ilusão da mente...

Para parar a música de fundo clique no final da página.

 

Palavras de Osho

 

     Eu tenho que conhecer e entender as raízes de meus velhos padrões a fim de ser capaz de abandoná-los ou estar atento é suficiente?

     Existe uma linha divisória entre a psicologia ocidental e o misticismo oriental. A psicologia ocidental é um esforço para entender as raízes de seus velhos padrões, mas ela não ajuda ninguém a se livrar deles. Você se torna mais inteligente, você se torna mais moderado, você se torna mais normal; sua mente não é mais uma grande desordem. As coisas estão acomodadas um pouco melhor do que elas estavam antes, mas cada problema permanece o mesmo - ele simplesmente ficou dormente. Você pode entender o seu ciúme, você pode entender a sua raiva, seus ódios, sua ganância, suas ambições, mas todo este entendimento permanecerá intelectual. Assim, mesmo os maiores psicólogos do ocidente estão muito longe dos místicos orientais.

     O homem que fundou a psicologia ocidental, Sigmund Freud, tinha tanto medo da morte que mesmo a menção da palavra ‘morte’ era suficiente para lançá-lo numa coma; ele se tornava inconsciente, a paranóia da morte era tão grande. Isto aconteceu três vezes. Ele tinha tanto medo de fantasmas que ele não podia passar ao lado de um cemitério. Agora, um homem como Sigmund Freud que tinha uma tremenda acuidade intelectual, que conhecia toda a raiz da mente, que conhecia cada funcionamento sutil da mente, ainda permaneceu confinado na mente.

     A consciência o leva para além da mente. Ela não se preocupa em entender os problemas da mente, suas raízes. Ela simplesmente deixa a mente de lado, ela simplesmente sai fora dela. Esta é a razão porque não houve desenvolvimento de psicologia no oriente. É estranho que por dez mil anos, pelo menos, o oriente esteve trabalhando consistentemente e intencionalmente no campo da consciência humana, mas ele não desenvolveu nenhuma psicologia, nenhuma psicanálise ou psicossíntese. É uma grande surpresa que por dez mil anos ninguém tenha nem mesmo tocado no assunto. Ao invés de entender a mente, o oriente desenvolveu uma abordagem totalmente diferente e sua abordagem foi se desidentificar da mente: "Eu não sou a mente." Uma vez que esta consciência se torna cristalina em você, a mente se torna impotente.

Osho